Quinta, 17 de agosto de 201717/8/2017
(86) 9.8188-1338
Claro
22º
36º
36º
Luzilandia - PI
dólar R$ 3,16
euro R$ 3,71
Banner topo
ECONOMIA
Rombo nas contas públicas no semestre é o pior em 21 anos
Déficit primário foi de R$ 56,09 bilhões, o pior resultado desde o início da série histórica do Tesouro Nacional
Edson Barros Luzilândia - PI
Postada em 26/07/2017 ás 16h44 - atualizada em 26/07/2017 ás 16h51
Rombo nas contas públicas no semestre é o pior em 21 anos

Saques do PIS/Pasep referente a 2016 começam em julho (IStock/Getty Images)

O rombo nas contas públicas do governo no primeiro semestre deste ano foi o pior resultado para o período em 21 anos. Nos primeiros 6 meses de 2017, o déficit primário do governo central (Tesouro Nacional, Banco Central e Previdência Social)  alcançou 56,092 bilhões de reais. É pior resultado desde o início da série histórica do Tesouro, inciada em 1997.


A meta para o 2017 é de um déficit de 139 bilhões de reais. O descompasso entre a arrecadação e os gastos foi o motivo dado pelo governo para aumentar os impostos sobre os combustíveis na última semana, para gerar arrecadação extra, e segurar os gastos para serviços públicos.


No primeiro semestre do ano, as receitas caíram 1,2% em relação ao mesmo período de 2016 (para 64, 802 bilhões de reais). As despesas, por outro lado, aumentaram 0,5% no período (para 604, 279 bilhões de reais), ambos os valores corrigidos pela inflação. No mesmo período do ano passado, o déficit era de 36,6 bilhões de reais.


Em junho, o déficit foi de 19,79 bilhões de reais, o pior resultado para este mês também em 21 anos. O comportamento no mês também foi de queda nas receitas (2,7%) e alta nas despesas (0,5%). “Em particular, destaque-se o aumento do déficit da Previdência, que passou de 60,4 bilhões de reais no acumulado do ano em 2016 para 82,9 bilhões de reais em 2017, a preços correntes, explicado tanto pela redução real da receita (1,8%) quanto pelo aumento real da despesa (6,9%)”, diz o relatório do Tesouro.

FONTE: FONTE: TESOURO NACIONAL
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

© Copyright 2017 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium